sábado, 5 de junho de 2010

Rir é o melhor remédio!

"Cada pensamento gera uma emoção e cada emoção mobiliza um circuito hormonal que terá impacto nas trilhões de células que formam nosso organismo.

As condutas “S”: serenidade, silêncio, sabedoria, sabor, sexo, sono, sorriso, promovem secreção de serotonina, enquanto que as condutas “R”: ressentimento, raiva, rancor, repressão, resistência, facilitam a secreção de Cortisol, um hormônio corrosivo para as células, que acelera o envelhecimento.

As condutas “S” geram ATITUDES “A”: ânimo, amor, apreço, amizade, aproximação, entretanto, as condutas “R” geram ATITUDES “D”: depressão, desânimo, desespero, desolação.

Aprendendo este alfabeto emocional, lograremos viver mais tempo e melhor, porque o sangue “ruim” (muito cortisol e pouca serotonina) deteriora a saúde fisica e mental e acelera o envelhecimento.

O bom humor e a realização de atitudes que nos faz bem, é a chave para a longevidade saudável.

Então tenhamos uma excelente vida, repleta de Serotonina!"
(Dr. Juan Hitzig)

"A risada faz aumentar a secreção de endorfina que relaxa as artérias, melhora a circulação e beneficia a reação imunológica. Além disso estimula a produção de adrenalina o que ocasiona mais irrigação nos tecidos que recebem mais oxigênio. O bom humor aumenta a capacidade de resistir à dor."


Rir é o melhor remédio
Com certeza você já ouviu dizer que rir é o melhor remédio. E isto não é apenas teoria. A Terapia do Riso vem sendo utilizada como método terapêutico para o tratamento de depressão, melancolia, mau-humor (distimia), estresse e diversas outras doenças. Está comprovado que o riso auxilia na recuperação e na cura dos pacientes, reduzindo o tempo de tratamento e de internação em até 20%.

Freud, o criador da Psicanálise, mostrou em um de seus trabalhos que, as cenas cômicas e o riso, ajudam a melhorar a saúde. Desde a década de 60, o médico norte-americano Hunter "Patch" Adams, considerado o "pai da Terapia do Riso", vem utilizando o riso como agente de cura. Sua história foi retratada no filme "Patch Adams - O Amor é Contagioso".

Segundo o Dr. Eduardo Lambert, clínico geral, homeopata e terapeuta, autor do livro "Terapia do Riso - A Cura pela Alegria", o riso e sua onda vibratória transmitem energia e uma química que se espalha por todo o corpo, provocando o relaxamento muscular de todos os órgãos. "Mesmo o simples esboçar de um sorriso ou uma gargalhada, estimulam o cérebro a produzir endorfinas, substâncias químicas com poder analgésico, que proporcionam uma enorme sensação de bem-estar." Além disso, as endorfinas estimulam o sistema imunológico contra reações alérgicas, bactérias e vírus; protegem o aparelho circulatório contra enfartes e derrames; ajudam a melhorar a pressão arterial, ampliam a capacidade respiratória e promovem uma ação antienvelhecimento.
"Quando sorrimos ou damos uma gargalhada emitimos uma ordem ao cérebro para que ele aumente a produção de endorfinas, substâncias químicas com poder analgésico e que dão a sensação de bem estar físico"
É provado em muitos hospitais norte americanos e brasileiros que a terapia do riso diminui em cerca de 20 por cento o tempo médio de internação. Quando se dá uma gargalhada, o ritmo do sangue acelera e aumenta a circulação de sangue no organismo, melhorando a oxigenação dos tecidos. O maior bombardeamento faz com que os vasos se dilatem e a pressão arterial baixe. Durante uma risada, acontece um aumnto de absorção de oxigénio pelos pulmões e o movimento de inspiração e expiração fica mais profundo. Com isso, eliniminamos com mais facilidade o excesso de dióxido de carbono presente no orgão. O riso também massageia o sistema gastrointestinal, já que o músculo mais exercitado durante a risada é o diafragma que fica perto do estômago e do intestino. Por fim, quem ri também fortalece o sistema inunólógico pois a risada promove uma baixa no nível de cortisol e adrenalina, dois hormônios associados ao estresse. 
E você sabia que a alegria e o riso também podem ajudar a emagrecer? Isto mesmo! Para rir, acionamos 28 músculos da face, queimando de 10 a 11 calorias.

Seja feliz todos os dias

"O riso é uma conseqüência, um efeito da felicidade", afirma Leila Navarro, conferencista, autora e especialista comportamental. Para viver com felicidade, o importante antes de tudo, é se gostar, se respeitar, ter auto-estima, aceitar a vida com ela é e tentar tirar o melhor de cada situação.

De acordo com Leila, 80% do que acontece durante todo o dia está ligado aos primeiros 10 minutos da manhã. Sendo assim, ter bons pensamentos ao acordar pode tornar o seu dia mais feliz. Logo pela manhã, você pode adotar um ritual de felicidade, seja respirando profundamente, se espreguiçando, rezando e até meditando. Ela ensina a escrever no teto ou num local que você visualize assim que acordar a seguinte frase: "Hoje tomei uma decisão: vou ser feliz assim mesmo". Repita a frase todos os dias em voz alta. Se você pode ser condicionado a coisas boas, porque pensar no que é ruim?

No dia-a-dia, você pode estimular o riso de várias formas. "Treine o sorriso diante do espelho, leia bons livros, ouça e conte boas piadas e enxergue o lado bom das coisas, pois por mais negativa que seja uma experiência de vida, sempre tem a lição positiva que podemos aprender e ensinar", ensina Lambert.

Sorriso é antídoto para mau-humor e problemas

O mau-humor e a infelicidade nos tornam tristes e até deprimidos. Pensamentos prejudiciais, sentimentos inferiores e emoções negativas geram um campo energético nocivo, que pode ser absorvido pelo organismo, provocando doenças que afetam até o estado físico. "A alegria e o otimismo geram simpatia e esta energia positiva contagiante nos ajuda a viver muito mais", ensina o Dr. Lambert. Para estimular a alegria ele aconselha, ainda, a fazer com freqüência uma faxina interior. "Limpe os porões e jogue o passado fora, pois não existe mais. O passado é aprendizado, do qual nos interessa apenas as boas lembranças e lições", completa.

Tente resolver os problemas pela ordem de prioridade e siga a filosofia tibetana: "Se o problema tem solução não se preocupe. Se o problema não tem solução, não há motivo para se preocupar."

No trabalho, o riso estimula a produtividade. As pessoas que gostam do que fazem, do ambiente em que trabalham e dos colegas de equipe, produzem mais e melhor. "Quem ri é mais produtivo, mais criativo, mais comunicativo, toma as decisões mais rápido, fica menos doente e até comete menos acidentes, já que ama a vida e não quer perdê-la", explica Leila.

Confira algumas dicas extraídas do livro "Terapia do Riso - A Cura pela Alegria", do Dr. Eduardo Lambert:

- Viva em paz com a sua consciência,
- Com entusiasmo viva o presente,
- Cultive e pratique o bem e a caridade,
- Dê um sentido positivo e de qualidade à vida,
- Tenha sempre atitudes positivas,
- Fale de assuntos alegres, conte piadas sadias,
- Não guarde rancor, nem ressentimento,
- Faça para outrem o que querem que te façam,
- Tenha mais fé em si mesmo e em Deus,
- Sorria sempre, pois rir é o melhor remédio.


ByNina

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita!

Nina

Minha foto foi a mais votada no YOGA TRAIL

Minha foto foi a mais votada no YOGA TRAIL
Obrigada a todos por votarem!

ATENÇÃO

Muitas imagens do BLOG são fonte de pesquisa na internet.
As imagens que incluem o @bynina na lateral são criadas por mim, geralmente pego frases de outros autores, citando o mesmo e imagens de fundo disponíveis na internet.
Todas as frases e pensamentos com a assinatura BYNINA embaixo são de minha autoria.
Lembre-se sempre de citar a fonte quando compartilhar.
E se alguma imagem tiver direitos autorais, entre em contato comigo através do e-mail bynina@gmail.com que cito o autor ou retiro imediatamente.
Obrigada pela compreensão!

Carolina Carvalho
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...